Agosto registrou 3ª melhor velocidade de vendas de imóveis novos no DF

Agosto registrou 3ª melhor velocidade de vendas de imóveis

novos no DF

Foi o melhor mês de agosto, com 8,6% de IVV, desde o início da pesquisa, em 2015

 

10/10/2019 – O Índice de Velocidade de Vendas (IVV) de imóveis residenciais no Distrito Federal (DF) segue positivo, de acordo com a mais recente pesquisa que avaliou o desempenho das vendas no mês de agosto. Naquele mês, o IVV médio foi de 8,6%, o terceiro melhor de 2019. Isso significa que o setor imobiliário local está reagindo. “A credibilidade voltou; a confiança ao crédito está mais alta e a capacidade de fazer investimentos no setor imobiliário retornou”, comemora Eduardo Aroeira, Presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Distrito Federal (ADEMI-DF).

 

Em relação ao mesmo período de 2018 houve um salto, já que o índice havia sido de 7,2%. O setor imobiliário leva em conta que um IVV na casa dos 5% representa uma velocidade adequada para a venda de um empreendimento imobiliário. O maior IVV do ano foi atingido em maio: 8,9%.

 

A região com maior IVV residencial em agosto foi Samambaia (19,2%), seguido de Santa Maria (13,9%). Planaltina também apresentou boa velocidade de vendas (12,2%).

 

IVV RESIDENCIAL – AGOSTO/2019

 

 

A pesquisa mensal do IVV identificou que o preço do m² apresenta tendência de alta, em razão da redução da oferta de imóveis residenciais novos. Ou seja, quem esperar para comprar um imóvel poderá arcar com preços mais elevados.

 

“A ADEMI-DF apurou 23 lançamentos de janeiro a agosto deste ano. Só no mês de agosto foram quatro novos empreendimentos – três no Noroeste e um em Samambaia. É um círculo virtuoso no cenário do mercado imobiliário do Distrito Federal”, comenta Eduardo Aroeira.

 

O IVV é apurado mensalmente por meio de pesquisa realizada em conjunto pela ADEMI-DF, pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do DF (SINDUSCON-DF), com apoio do SEBRAE-DF. A coleta é feita pela pesquisa Opinião Informação Estratégica. Participaram do estudo de agosto 28 das principais empresas atuantes no mercado imobiliário do DF.

 

DADOS DA PESQUISA IVV AGOSTO/2019

 

A pesquisa do IVV tem o objetivo de aferir os negócios de imóveis novos residenciais no DF e se a velocidade com que são vendidos está de acordo com as expectativas. O IVV dos imóveis residenciais em agosto foi de 8,6%. O gráfico da oferta de imóveis residenciais, comparativo dos anos 2015, 2016, 2017 e 2018 (a seguir), demonstra que a oferta cai seguidamente. Mesmo com 23 lançamentos de janeiro a agosto deste ano, ainda é baixo o número de unidades disponíveis. “Esperamos até dezembro alcançar o número de 30 empreendimentos lançados. Somente assim poderemos  reequilibrar o mercado”, comenta Eduardo.

 

OFERTA DE IMÓVEIS RESIDENCIAIS – AGOSTO/2019

 

 

Em agosto deste ano estavam em oferta no mercado imobiliário 2.894 unidades residenciais novas (segundo informaram as empresas pesquisadas); em agosto de 2018 eram 3.330 e em agosto de 2017, 3.888 unidades.

 

Vendas de imóveis residenciais aceleram

 

As empresas pesquisadas informaram terem vendido 250 imóveis residenciais novos em agosto, superando o resultado de julho: 171 (gráfico a seguir).

 

As quantidades de imóveis informadas se referem aos negociados pelas empresas participantes da pesquisa e não representam o total de imóveis em oferta ou negociados em todo o DF. Os percentuais informados podem ser projetados para representação de todo o mercado imobiliário do DF.

 

VENDAS DE IMÓVEIS RESIDENCIAIS – AGOSTO/2019

 

 

Valor do m² imóveis residenciais

 

Entre várias informações do mercado imobiliário do DF, a pesquisa do IVV aponta a variação do preço ofertado por m² dos imóveis residenciais em cada região. Em agosto, a Asa Norte registrou o maior valor de oferta: R$ 14.741,68; o mais baixo foi ofertado em Santa Maria – R$ 2.911,63.

 

VALOR PONDERADO DE OFERTA (R$)/M² PRIVATIVO – AGOSTO/2019

 

Comments are closed.